Tuitando sobre insetos

Escrever para as redes sociais já é parte da rotina. Agora, escrever sobre insetos, é um desafio! Na oficina de texto, os alunos do Adote um cientista produziram tuites sobre o tema insetos, depois de terem assistido à palestra (Clique aqui) e participarem de atividades com a equipe da Casa (Clique aqui). A proposta foi escrever o que aprenderam, num tempo curto, em apenas 280 caracteres. Veja abaixo alguns deles:


“Por que existem tantas espécies de insetos? Por conta da variedade na caixa de ferramentas morfológicas, o fato de terem um exoesqueleto que ajuda na proteção, o voo em algumas espécies é uma longa história evolutiva”
Rafela Bardella da Silva – EE Constante Ometto, e Thales Corrado Rodrigues – EMEF Sérgio Rossetti, Pradópolis


“Isso mudará sua vida, a aranha não é um inseto. Muitas pessoas confundem insetos com aracnídeos, como as aranhas. Mas há inúmeras espécies que se dividem por suas características físicas que sofrem evolução do meio natural.”.


“Mas, e aí? Como diferenciá-los? Podemos diferenciá-los por sua estrutura corporal, a aranha possui 8 patas, já os insetos comuns possuem 6 patas, tem asas e antenas. E a barata, é inseto ou aracnídeo?”


“Não vivemos sozinhos! Além dos seres humanos, existem outras espécies, principalmente em nossas casas. Se olharmos para o lado os veremos, quem são eles?” #jantaremfamilia
Adriel Ítalo da Silva Porto, Lavinia Marinho MatosThiago Pereira Pardinho– EMEF Sérgio Rossetti


“Você sabia que sem insetos a vida do planeta seria erradicada? Pois eles são responsáveis pela manutenção da flora. Você gostou dessa curiosidade? Para saber mais siga nosso perfil” (@casadaciencia).

“Quem nunca viu em filmes, heróis com exoesqueleto, sabe que ele existe em seres como baratas e cigarras. Você gostou dessa curiosidade? Para saber mais siga nosso perfil” (@casadaciencia).
Thierry Martins D. CarralhoMaurilio B B da Silva – EE Constante Ometo e EMEF Sérgio Rosseti – Pradópolis


“Por que existe tantas espécies de insetos? Por conta da caixa morfológica, do exoesqueleto, do voo e da longa história evolutiva. Você sabia que, por conta dessa grande variedade pode haver até 100 espécies no jardim de sua casa?”
Julia de Oliveira BizotiLuis Carlos de OlLiveira JuniorYasmin Barissa Allanni – EMEB João Nogueira, Cravinhos


“Você sabia que existem cerca de 1 milhão de espécies de insetos descobertos pelos cientistas. Poderiam me dizer o que são aquelas linhas nas asas dos insetos? Os cientistas chamam aquilo de veias ou nervuras”. #mundodosinsetos
Vitor Gabriel e Hotto Vinicius da Silva Souza – EMEF Roberto Brayn, Luiz Antônio


Organização: Gabi Zauith e Ricardo Couto 

%d blogueiros gostam disto: