Abertas as inscrições para palestrantes e orientadores do primeiro semestre

Estão abertas as inscrições para os pesquisadores interessados em participar dos principais programas presencias da Casa da Ciência no primeiro semestre de 2016.

A parceria com pesquisadores, especialmente com os pós-graduandos, é essencial para que as atividades da Casa continuem sendo realizadas em seu décimo-sexto ano de existência. Não é à toa que uma das principais causas atribuídas ao sucesso de seus programas é a proximidade entre o pesquisador e o aluno de ensino básico.

Ao participar de programas como o Adote um Cientista e Pequeno Cientista, o pesquisador contribui em muito para a formação do aluno. Mas não é só isso: seja dando palestras no Adote, seja orientando grupos de pesquisa no Pequeno, o pós-graduando que passa pelas atividades da Casa afirma que a participação contribui muito para sua formação acadêmica e pessoal – algo que vem sendo confirmado a cada ano e opinião constante dos participantes.

As atividades presenciais regulares da Casa ocorrerão todas as quintas-feiras, se iniciando no dia 3 de março, a partir das 14h30 no Hemocentro de Ribeirão Preto.

No programa Adote um Cientista, o pesquisador-palestrante tem a chance de contar um pouco mais sobre sua linha de pesquisa, sua rotina e os desafios de seu trabalho para alunos da rede básica de ensino de Ribeirão e região. Após uma fala de 40 minutos do palestrante, é aberta uma seção de perguntas que aproxima ainda mais os envolvidos.

Já no Pequeno Cientista, pesquisadores-orientadores irão guiar pequenos grupos de alunos por um projeto de iniciação científica. São encontros semanais que duram todo o semestre e que se encerram com o Mural da Casa da Ciência, um evento aberto ao público e durante o qual os alunos são avaliados pelos resultados alcançados, nos moldes de um congresso científico.

Ambos os programas são documentados, registrados e avaliados em uma rotina consolidada da equipe da Casa. Além disso, é produzido um material de divulgação baseado nas palestras e também nas notas de campo dos orientadores. E os pesquisadores recebem certificação que pode contar pontos para o currículo.

O fato é que, quem já participou, sempre quer voltar! E se você ainda não conhece e gostaria de saber melhor como fazer parte de nossos programas (seja como palestrante no Adote, como orientador no Pequeno, ou de outras formas em nossos diferentes projetos e programas), entre em contato com nossa equipe  (telefone, e-mail, redes sociais, ou mesmo uma visitinha) que esclarecemos suas dúvidas.

Nos vemos em breve, pesquisador!

por Vinicius Anelli

Deixe uma resposta