Durante a quarentena, atividades da Casa continuam de forma online

Em meio a um semestre diferente do que estamos acostumados, a equipe da Casa está mantendo a rotina de atividades e o contato com os alunos de forma remota. Desde a última reunião presencial do Adote um Cientista, no dia 12 de março, os encontros estão sendo realizados online, via redes sociais como Youtube e WhatsApp.

Um verdadeiro desafio para todos. Afinal de contas, o contato, a interação dos alunos com os palestrantes e orientadores e as discussões em grupo são marcas registradas do que é a Casa da Ciência. Em breve todos esses momentos irão voltar, mas agora é hora de ser paciente e descobrir maneiras de lidar com o novo normal. Felizmente, com a colaboração de toda a equipe e com o entusiasmo dos alunos, a situação está sendo contornada e produções excelentes estão se originando dessa nova forma de interagir e aprender.

Dentre as últimas atividades dos meses de abril e maio, tivemos o início do Adotando uma Fotografia, que consiste no ensino de técnicas de fotografia que podem ser praticadas pelos alunos com seus próprios celulares em casa. Antigamente, com as câmeras analógicas, o processo de tirar uma foto era quase um ritual. Com um número limitado de filmes, cada foto deveria ser bem pensada e especial para que, na hora de revelar, o trabalho e o custo – pois a revelação não era barata – tenham valido a pena. Com a facilidade que temos hoje em dia de tirar uma foto, esse processo de análise do ângulo perfeito, iluminação adequada e outros aspectos do famoso “olhar fotográfico” pode se perder.

Pensando nisso, as seis lives do Adotando uma Fotografia com o biólogo Vinicius Godoi focaram exatamente nessas técnicas que podem transformar até mesmo uma foto feita com a câmera de um celular em uma foto profissional.

Confiram as fotografias enviadas pelos alunos como parte dos exercícios práticos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp