UMA VIAGEM AO PASSADO

Vídeos do adote selecionados:

  • Fotografia forense – Caio Rodrigues
  • Vamos conhecer mais sobre os animais com uma animação super legal? – Flávia Bueno
  • Uma viagem no tempo – Denise Martileni

Ao longo dos anos, houve várias mudanças; seja no modo de nos comunicarmos, trabalharmos, entre outros.

  Também sofremos alterações quando crescemos, mudamos nossos modos e até os amigos. Hoje em dia dificilmente os seus amigos, são os mesmos de pequenos.

A tecnologia hoje beneficia muito o desenvolvimento do mundo! Sabe como?

Através dela conseguirmos com que as fotos não fossem mais em preto e branco. Podemos dizer a mesma coisa com as televisões, que hoje são mais leves e com uma imagem melhor, televisões com tecnologia 4K. Os celulares também evoluíram hoje poucos tem botões, muitos são por sensores do próprio celular. Dvds, fitas vhs e mp3, não são muito usados, pois fotos e vídeos são mais armazenados em celulares ou hds.

Fotos que ajudam polícias a investigar e desvendar crimes. Hoje já temos fotografias próprias, e contamos com processamento que são rápidos e eficazes para ajudar com a resolução dos crimes.

 Podemos citar a atuação na parte de desenvolvimento em medicamentos! Um bom exemplo semana! Isso é um grande avanço, pois para conseguirem o RNA das outra doenças algumas é que com a ajuda da tecnologia foi possível descobrir o RNA da covid-19 em menos de uma foram necessários anos de estudos e pesquisas. Também podemos ver o auxílio da tecnologia atuando na parte agrícola com novos desenvolvimentos, novas tecnologias é possível ajudar desde de o plantio até colheita através das máquinas novas e especializadas, e seguindo para a indústria.

E as qualidades dos filmes hoje, são bem melhores que antigamente! Mas, será que é aproveitável igual antigamente? Não sei, isso cada pessoa tem seu ponto de vista.

Portanto há muitas lembranças que vamos deixando para trás, algumas até continuam em outras gerações, mas dificilmente é aquela diversão igual antigamente. As próximas gerações nunca saberão o que é brincar na rua até tarde com os amigos, até a mãe fazer entrar, ir no vizinho para colher frutas. Enfim, se pudesse escrever para uma cápsula no tempo queria regressar e viver no tempo dos nossos pais e avós, aproveitar e ver como era diferente; porque no tempo deles não tinha a tecnologia o desenvolvimento que temos hoje. Mesmo parte da minha geração já está se beneficiando de conhecimentos tecnológicos, espero que essa geração fique marcada como uma geração que além do grande conhecimento adquirido, conseguiu também aproveitar e ver um mundo melhor para viver.

Gabrielly Luzia Baranda Marinho – E.M.E.F “Sérgio Rossetti” – 9° ano

Publicações Relacionadas

Comentários